Terça-feira, 03 de outubro de 2017 15:01

Justiça Federal em Alagoas participa da campanha Outubro Rosa

     A Justiça Federal em Alagoas (JFAL) participa da campanha Outubro Rosa 2017. A iniciativa busca conscientizar à sociedade e às mulheres sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama, que apesar de ser tão temido tem um índice alto de cura quando diagnosticado em seu começo.

     Segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), no Brasil há quase 60 mil novos casos por ano de câncer de mama e o número anual de mortes gira em torno de 15 mil. Em sua décima edição, a campanha nacional Outubro Rosa, além da ênfase em prevenção, visa conscientizar pacientes com câncer, bem como seus familiares, amigos e colegas sobre a importância de munir-se de informação e participar ativamente da tomada de decisões no enfrentamento da doença. Isso significa o empoderamento da mulher para reivindicar uma assistência em saúde efetiva, que atenda plenamente suas necessidades.

     É importante que as mulheres façam mamografia de rastreamento e o autoexame que pode detectar nódulo, pele da mama avermelhada, retraída ou parecida com casca de laranja, alterações no mamilo ou saída espontânea de líquido dos mamilos.

     Os fatores de risco para essa patologia são: primeira menstruação precoce e menopausa tardia, primeira gestação após os 30 anos, não amamentar, terapia de reposição hormonal pós-menopausa, obesidade, ingestão de bebidas alcoólicas e radiação ionizante, mutações genéticas e histórico de câncer de mama na família, principalmente, em idade jovem.

     A Seção de Saúde e a Seção de Qualidade de Vida da JFAL enfatizam que podemos prevenir a doença agindo sobre os fatores modificáveis através do controle do peso corporal por meio de uma alimentação saudável e da prática de exercícios físicos, evitando o consumo de bebidas alcoólicas e estimulando o aleitamento materno. É importante lembrar que o diagnóstico precoce é fundamental para aumentar as chances de cura.

Programação

     Na programação da campanha Outubro Rosa da JFAL constará distribuição de material educativo e de lacinhos rosa; ações educativas em prevenção; notinhas e lembretes no ambiente de trabalho e na intranet durante todo o mês, entre outras atividades.

     No dia 18/10 em parceria com a Caixa de Assistência aos Advogados (OAB/AL), a JFAL promove uma ação de promoção de saúde, com aferição de pressão arterial, verificação de glicemia, distribuição de lacinhos rosa e de material educativo sobre a realização do auto-exame e sobre a importância da prevenção. Para atrair mais mulheres, haverá uma equipe para realizar esmaltação das unhas nas servidoras que participarem da atividade.

     A JFAL está providenciando a iluminação da fachada do edifício sede na cor rosa, a exemplo do ano passado, durante o mês de outubro. A iluminação serve para lembrar e sensibilizar às mulheres para a importância da prevenção e atenção a este tema tão importante.

  O movimento popular internacionalmente conhecido como Outubro Rosa é comemorado em todo o mundo. O nome remete à cor do laço rosa que simboliza, mundialmente, a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população, empresas e entidades. Este movimento começou nos Estados Unidos, onde vários Estados tinham ações isoladas referentes ao câncer de mama e ou mamografia no mês de outubro, posteriormente com a aprovação do Congresso Americano o mês de Outubro se tornou o mês nacional (americano) de prevenção do câncer de mama.

     A ação de iluminar de rosa monumentos, prédios públicos, pontes, teatros e etc. surgiu posteriormente, numa forma prática para que a Outubro Rosa tivesse uma expansão cada vez mais abrangente para a população e, principalmente, pudesse ser replicada em qualquer lugar, bastando apenas adequar a iluminação já existente.

     A popularidade da Outubro Rosa alcançou o mundo de forma bonita, elegante e feminina, motivando e unindo diversos povos em torno de tão nobre causa. Isso faz que a iluminação em rosa assuma importante papel, pois tornou-se uma leitura visual, compreendida em qualquer lugar no mundo.