Domingo, 18 de novembro de 2018 11:16

Centro de Conciliação da Jfal realiza mutirões até última semana de novembro

Com o objetivo de atender e orientar o cidadão para solução de conflitos com mais celeridade, o Centro Judiciário de Solução Consensual de Conflitos e Cidadania da Seção Judiciária de Alagoas (CEJUSC/AL) finaliza, entre 19 e 23 de novembro, o terceiro mutirão, encerrando o período que abrangeu conciliações sobre crédito comercial, crédito habitacional e agora será sobre créditos ajuizados.

Os mutirões acontecem em novembro, em razão da Semana Nacional da Conciliação, realizada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Na Justiça Federal em Alagoas (Jfal), o Centro de Conciliação é formado pelo juiz federal Guilherme Masaiti Hirata Yendo, o supervisor, Inaldo Aguiar e 14 conciliadores, sendo que oito estão concluindo o curso de formação da categoria.

Segundo Inaldo Aguiar, o CEJUSC atua nas Varas Federais Cíveis da capital, realizando sessões e audiências de conciliação e mediação pré-processuais e judiciais.

“Atuamos na primeira, segunda, quarta e décima terceira Varas Federais Cíveis da capital. E durante os mutirões deste mês de novembro, houve 360 atendimentos, relacionados ao assunto crédito comercial; 42 audiências pré-processuais relacionadas ao crédito habitacional e nesta última semana, a previsão é realizar 288 audiências processuais, ligadas ao crédito habitacional,” ressaltou o supervisor do Centro de Conciliação da JFAL.

A Caixa Econômica Federal foi a única instituição envolvida, e no total, 690 pessoas foram convidadas para as audiências conciliatórias. Ainda segundo Inaldo Aguiar, no período de 26 a 30 de novembro, o CEJUSC/AL realiza as audiências conciliatórias previamente designadas pelas Varas Federais de sua abrangência.

Autor: Ascom/Jfal